quarta-feira, 28 de julho de 2010

A Serpente do Éden


Um dos temas que despertam interesse de estudo na Bíblia é a respeito da serpente que, segundo o terceiro capítulo de Gênesis, tentou Eva e fez com que, assim, a humanidade fosse corrompida. Como era essa serpente? Ela falou por si só ou algum “espírito” a manipulou? A partir de agora faremos uma análise muito cuidadosa acerca dessas questões.

Mas antes de "dissecarmos a serpente do Éden", é bom deixar claro de que esse estudo parte do pressuposto de que a narrativa de Gênesis não seja alegórica, mas sim um relato. É claro que existem as interpretações alegóricas da narrativa de Gênesis... Mas aqui estamos tratando do assunto dentro da visão judaico-cristã, que aliás é a visão desse blog.

Vamos começar.

A SERPENTE FALOU SOZINHA?

Quase todos os cristãos de hoje afirmam que a serpente não falou sozinha com Eva, mas que o diabo é quem usou a serpente como “fantoche” e tentou Eva dessa maneira. No entanto, muitos judeus e outras pessoas afirmam constantemente que a Bíblia não diz que a serpente foi usada por Satanás, mas sim que ela “falou por si só” porque era a criatura "mais astuta que Deus havia criado". Afinal a serpente do Éden foi “possuída” ou não?

Cientificamente falando, a possibilidade de uma serpente falar sozinha é zero. Isso porque as serpentes são surdas, são mudas (não possuem cordas vocais) e tem a língua bifurcada, e isso as impossibilitaria de falarem por si só. A única chance de uma serpente ter falado algum dia seria a do caso se tratar de algo sobrenatural. É aí que entra Lúcifer.

Então, uma interpretação plausível seria a de que Nachash (o termo em hebraico para a serpente do Éden) era Lúcifer, o líder dos anjos caídos, que possuiu uma serpente para "arruinar a Criação". A associação de idéias apóia-se, gramaticalmente falando, na associação de uma palavra cognata de nachash com cobre ou latão e daí com "brilhante", forçando a aproximação com "Lúcifer", "portador de luz".

O Antigo Testamento não costuma "fazer animais falarem". As únicas exceções são a serpente do Éden e a jumenta de Balaão, mas esta fala por milagre de Deus, o que não é o caso da serpente do jardim do Éden, que obviamente não foi usada por Deus. No entanto a Bíblia evidencia que, realmente, quem fez o “milagre” da serpente falar foi Satanás, pois em Apocalipse, Satanás é chamado de “A antiga serpente”(ton ophin ton archaion, em Apocalipse 20:2). Logo, não resta dúvidas: a serpente não falou por si só; de acordo com a Bíblia, Satanás a induziu.

Uma questão que poderia se levantar por curiosidade seria: por que Satanás se apoderou de uma serpente, e não de um crocodilo, por exemplo? O texto bíblico de Gênesis 3 e a ciência possuem a resposta.

Gênesis 3,1 diz que “a serpente era mais astuta que todas as alimárias do campo que o SENHOR Deus tinha feito”. Esse talvez seria o motivo de Satanás ter escolhido seletivamente a serpente.

As serpentes fazem parte de um grupo diverso de répteis. Elas são animais surpreendentes biologicamente falando: uma serpente consegue engolir presas maiores do que a boca, e se é capaz de fazer incríveis contorcionismos, devido o corpo ter centenas de vértebras. O crânio da cobra é uma modificação do crânio dos diápsidos (lagartos), onde a articulação mandibular permite uma grande abertura da boca, uma vez que os maxilares das serpentes não são fundidos. A variedade de serpentes (ou Ofídios) é impressionante: existem serpentes aquáticas, tropicais, em regiões frias, arborícolas, cavernícolas, enfim... as serpentes, devido á excelente adaptação que adquiriram, conseguiram dominar quase todos os ambientes.

Só essa pequena análise basta para justificar o porquê de Satanás se apoderar de uma serpente.

A MALDIÇÃO MODIFICOU A SUA ESTRUTURA?

Analisando a narrativa de Gênesis 3, vemos que os primeiros seres humanos e antepassados da humanidade, Adão e Eva, foram advertidos por Deus de que, se comessem do fruto da árvore do conhecimento do bem e do mal, certamente morreriam, o que fizeram tendo sido instigados pela serpente, tendo Eva aceitado a instigação primeiro e oferecido a fruta a Adão, que aceitou. Como resultado, então, a malícia começa a se manifestar em seus corações: cobrem-se imediatamente, envergonhados por estarem nus. Se escondem de Deus também. Ele, ao encontrá-los, pergunta porque se escondiam, quem lhes havia dito que estavam nus, e se eles o haviam desobedecido, quanto à árvore. Eles confessam o pecado, mas, covardemente, tentam justifica-lo, jogando a culpa um no outro. Após a confissão de Adão e Eva, Deus amaldiçoa a serpente (Satanás), por ser a causadora de todo este infortúnio. Essa maldição se encontra em Gênesis 3, 14:

"Porquanto fizeste isso, maldita serás mais que toda besta e mais que todos os animais do campo; sobre o teu ventre andarás e pó comerás todos os dias da tua vida."

Muitos cristãos afirmam, baseado no versículo acima, que antes a serpente não rastejava, que só começou a rastejar graças á maldição. Estes abrem duas hipóteses com relação á diferenciação que a serpente do Éden possuía com relação ás espécies modernas antes do pecado original.

Uma delas é a de que antigamente a serpente possuía asas. Existiria essa possibilidade? Ou melhor, a Bíblia fala isso? O fato é que não há em nenhum momento a afirmação ou descrição na Bíblia de que a serpente antes da maldição possuía asas; a “serpente alada” faz parte da mitologia de muitos povos como hindus, gregos, aztecas, maias, etc. O dragão citado em apocalipse é chamado de "A antiga serpente", mas isso quer dizer que o dragão representa Satanás, e não que a serpente em sua forma original era alada.

Ainda também existe a questão científica. Segundo a ciência existiria a possibilidade de uma serpente ter tido asas e voar? Temos que entender que para voar, não basta só ter asas. Algumas leis da aerodinâmica devem ser obedecidas, em virtude de uma coisa chamada “Lei da gravidade” descrita por Newton, segundo a qual, existe uma força de atração entre os corpos cuja intensidade é diretamente proporcional ao produto de suas massas e inversamente proporcional ao quadrado da distância que os separa. Portanto, além de asas, é preciso que todo o corpo possua uma estrutura aerodinâmica. Os pingüins, por exemplo, tem asas mas não voam, assim como os avestruzes e inúmeras outras espécies de aves que, não obstante até mesmo tem asas, contudo, seus corpos, anatomia e disposição de seus músculos não oferecem ao indivíduo portador de asas a menor condição para voar...

Com os répteis voadores que realmente existiram no passado, como os pterossauros, a regra continuava a mesma. O maior deles, o Quetzalcoatlus (ao lado), mesmo tendo 12 metros de envergadura alar, possuía ossos ocos (para superar a lei da gravidade), tal qual as aves, e uma estrutura aerodinâmica perfeita, além de asas que se formavam de forma similar á dos morcegos modernos.

Entretanto, uma serpente possui o corpo esguio, sem ossos leves, o que é o oposto de uma estrutura aerodinâmica. Além do mais, onde seriam e como seriam as suas asas? O fato é que não existe qualquer estrutura no corpo da serpente que indica que esta possuía asas e voava. Mas e o que dizer da a serpente planadora (Chrysopelea paradisi)? Como o nome diz, esta espécie plana, não voa, e mesmo assim usa esse recurso para "saltar" de uma árvore para a outra. A presença de asas atrapalharia, e não ajudaria a serpente planadora em suas manobras. E mesmo que os dragões cuspidores de fogo tenham existido (a Bíblia no livro de Jó dá margem para a existência desse bicho e estudos recentes na paleontologia também estão abrindo essa possibilidade) eles certamente devem ter tido uma estrutura aerodinâmica, diferente da serpente. (retirado de informações de Syel Ragm Ivo)

A outra hipótese é a de que, antes da maldição, a serpente possuía pernas. Essa afirmação é de certo modo plausível e ao mesmo tempo também não é. Isso porque as serpentes modernas possuem, realmente, "patas vestigiais". Muitos criacionistas afirmam que isso é o que sobrou das pernas que, antes, a serpente possuía. Entretanto, levando em conta o registro fóssil, a história "muda de cara".

De acordo com a paleontologia, os primeiros ofídios apareceram em meados da Era Mesozóica, há 100 milhões de anos atrás, e além de possuírem habitos aquáticos, possuíam pernas. Na verdade, o estudo da transformação biológica que as gerações de ofídios sofreram durante o período da Criação, no início, foi cheio de controvérsias entre os paleontólogos, mas hoje tem-se um panorama mais sólido da questão.

Um antepassado provável dos ofídios parecia realmente uma cobra com patas e seu nome científico era Tanystropheus. A classificação anteriormente dada a essa espécie era como pertencente ao grupo dos ofídios, porém estudos mais minuciosos provaram que a criatura era um Prolacertiforme, mas a posição genealógica da espécie não muda em muita coisa, pois os prolacertiformes foram, até onde as evidências mostram, antepassados diretos de cobras e lagartos.

Algumas cobras da Era dos Dinossauros possuíam diminutas patas, como o Pachyrhachis (foto ao lado). Já no Eoceno a coisa muda, pois a Giganthophis, ou Anaconda gigante, não possuía pernas e seus fósseis datam dessa época...Ou seja, as cobras modernas surgiram no 6º dia de acordo com os fósseis, porém antes de Adão. E mesmo que existissem fósseis de cobras com patas no registro Cenozóico (6º dia), existe um fato que não se pode ignorar: tanto o extinto Tanystropheus como o também extinto Pachyrhachis eram animais rastejantes.

Mas então no que realmente a serpente foi afetada com a maldição? O que a Bíblia quer dizer em Gênesis 3?

Assim como a questão das asas, a Bíblia não diz em específico que o animal usado para tentar Eva havia tido pernas e que depois as perdeu. Mesmo que as palavras de Gênesis 3:14 possam levar alguns a pensar que esse tenha sido o caso, não precisamos concluir que, antes dessa maldição, as serpentes eram diferentes das de hoje fisicamente falando. Por que não?

Em especial porque o verdadeiro alvo da condenação de Deus era Satanás — o espírito invisível que fez mau uso daquele animal inferior. A Bíblia chama Satanás de “pai da mentira” e “a antiga serpente”, como já vimos. Essas expressões pelo visto se referem ao fato de Satanás ter usado um animal visível, a serpente, como seu porta-voz para induzir Eva a desobedecer à ordem de Deus(João 8:44; Apocalipse 20:2).

Deus criou as serpentes e, aparentemente, Adão tinha dado esse nome a elas antes desse ato enganador de Satanás. Não se pode culpar a serpente irracional que falou com Eva. Aquele animal não tinha condições de saber que Satanás o manipulava ou de entender o julgamento de Deus contra os desobedientes.

UMA PROFECIA DE MUITO TEMPO ATRÁS

Então, por que Deus falou do rebaixamento físico da serpente? O comportamento típico da serpente no seu ambiente natural, rastejando em seu ventre, simbolizava muito bem a condição rebaixada de Satanás. Tendo antes usufruído uma posição elevada como um dos anjos de Deus, ele foi relegado a uma condição rebaixada (a Bíblia afirma ainda em 2 Pedro 2:4 que Satanás e os demais anjos caídos foram lançados no "tártaro", ou inferno).

A questão da afirmação "pó comerás todos os dias da sua vida" exprime também a condição do Opressor.
Vejam bem: serpentes realmente rastejam, mas... elas não comem pó! Agora observemos esta afirmação sob o prisma espiritual: Satanás é o pai da mentira (João 8:44) e tem o poder da morte (Hebreus 2:14)... podemos considerar que os pecadores e seus pecados são uma espécie de alimento para ele. Observe que, em muitas citações da Bíblia, o pó está relacionado á morte física (leia Eclesiastes 3,20 e Gênesis 3,17-19). Fazendo uma analogia, a serpente (Satanás) realmente passou a alimentar-se de "pó"!

Além disso, assim como uma serpente literal pode ferir o calcanhar de uma pessoa, Satanás, em seu estado rebaixado, "machucaria o calcanhar" do “descendente” de Deus (Gênesis 3:15).

Esse versículo às vezes é chamado de “O Primeiro Evangelho” porque prediz a vinda dAquele que nasceria da semente de mulher e “pisaria na cabeça” da semente da serpente, enquanto que a semente da serpente conseguiria apenas “ferir o calcanhar”. E temos aqui uma referência sobre a vinda do Messias, o prometido libertador (Jesus Cristo), que lutará com o diabo. Ele veio da semente da mulher. A semente do homem não é mencionada, somente a da mulher, o que tem implicações na nascimento de Cristo a partir de uma virgem. O diabo “feriu o calcanhar” de Jesus quando Jesus foi morto na cruz. Mas Jesus “feriu a cabeça” de Satanás, um golpe fatal, renascendo da morte, vencendo o pecado, a morte, o inferno e... A sepultura.

Essa "maldição", como podemos ver, trata-se de uma das primeiras profecias relatadas na Bíblia, Assim, ao amaldiçoar aquela serpente visível, Deus ilustrava apropriadamente o rebaixamento e, por fim, a destruição da invisível “antiga serpente”: Satanás.

CONCLUSÃO

Não há dúvidas de que realmente foi satanás que indiziu Adão e Eva a desobedecerem a Deus, por meio de um ofídio indefinido.
Contudo, é de extrema importância que venhamos nos lembrar de que, ainda hoje, o mesmo ser que se apoderou de uma serpente continua a enganar muitos na atualidade, por meio de falsos ensinos, por exemplo. Não é a toa que a Bíblia muitas vezes o chama de "Vil tentador" ou de "Enganador". Que possamos, então, ter discernimento e conseguir resistir ás tentações que o inimigo das nossas almas coloca em desfile á nossa frente. Mas é claro, sempre ter em mente também que "maior é o que está em nós do que o que está no mundo". O poder de Satanás não pode com o de Deus, pode ter certeza!

Referências:
http://www.fbchenderson.org/Porqueomundoestaumabagunca.html
http://pt.wikipedia.org/wiki/Pecado_original
http://pt.fantasia.wikia.com/wiki/Nachash
http://teophilo.info/analises/naosubliminar.php

30 comentários:

  1. Gostei do artigo porque não contrariou as Escrituras. Mas o fruto de que fala Genesis que Eva comeu é a relação sexual... A serpente teve uma relação sexual com Eva e depois foi ter com Adão, da qual nasceram os gemeos Caim e Abel.
    Caim é semente da serpente e Abel de Adão. Segundo I João 12 "Não como Caim que era do malingno".

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Este comentário foi removido por um administrador do blog.

      Excluir
    2. Você é que tem que se converter primeiro e respeitar a opinião dos seus irmãos em Cristo...
      Que é exemplo é esse de cristão que você está dando? Respeito é bom e em todos os lugares e situações. Não permito que ninguém seja ofendido nesse blog, deixei claro?

      Excluir
    3. Acreditar que o pecado cometido por Adão e Eva foi o ato sexual é muita ignorância. Porque se fosse assim, como eles cumpririam o seguinte mandamento de Deus: "E criou Deus o homem à sua imagem: à imagem de Deus o criou; homem e mulher os criou.
      E Deus os abençoou, e Deus lhes disse: Frutificai e MULTIPLICAI-VOS, e enchei a terra, e sujeitai-a; e dominai sobre os peixes do mar e sobre as aves dos céus, e sobre todo o animal que se move sobre a terra."
      (Gênesis 1:27-28). Como se multiplicar senão através de seus filhos; como fazer filhos senão através do ato sexual?!!

      Excluir
    4. Confesso que gostei MUITO da sua resposta!! Parabéns! Vou publicar em breve um artigo baseado no que o irmão apresentou. Deus abençõe!

      Excluir
  2. Amém!

    Nossa, muito legal...
    Achei especialmente interessante esse trecho: "Satanás é o pai da mentira (João 8:44) e tem o poder da morte (Hebreus 2:14)... podemos considerar que os pecadores e seus pecados são uma espécie de alimento para ele. Observe que, em muitas citações da Bíblia, o pó está relacionado á morte física (leia Eclesiastes 3,20 e Gênesis 3,17-19). Fazendo uma analogia, a serpente (Satanás) realmente passou a alimentar-se de 'pó'!"

    Eu nunca tinha pensado por esse lado...
    É legal ler estudos desse tipo, porque nos abrem a mente ao mesmo tempo em que nos ajudam a entender melhor o que diz a Palavra de Deus!

    ResponderExcluir
  3. Gostei da sua pesquisa quanto a este assunto e também me revelo uma leitora assidua da Biblia com grande interesse no livro Gênese.Foi de grande ajuda seu parecer creio eu que o Espirito Santo de Deus te auxiliou pois não foge da veracidade da Biblia no mais pretendo seguir seu Blog Rodrigo Henrique, só pra constar sou evangélica e moro no DF.
    Até ... me chamo Beatriz

    ResponderExcluir
  4. obrigado ser jesus por tirar minhas duvidas fiquem com o serhor jesus porque só ele salva

    ResponderExcluir
  5. vamos ter fé em jesus cristo como nosso unico salvador porque só ele salva a nossa alma

    ResponderExcluir
  6. nos temos que agradecer A JESUS PORQUE ELE MORREU POR MIM E POR TI ACREDITE NA SUA RECUREIÇÃO

    ResponderExcluir
  7. O MUNDO ESTÁ CHEIO DE PECADO MAIS JESUS PODE TE SALVAR ACEITE ELE COMO TEU SALVADOR

    ResponderExcluir
  8. Se encontram ossos de dinossauros de milhoes de anos, poderiam encontrar ossos de cain para fazer o DNA e tirar muitas duvidas. pois Cain tem somente 6.000 anos conparando com a idade dos dinossauros Cain ainda está nas fraudas.

    ResponderExcluir
  9. É uma tese interessante, mas gostaria de deixar algumas considerações:

    Jesus venceu a morte e levou cativo o cativeiro, então satanás não possui mais a cadeia dos mortos, por isso a expressão comer pó, não estaria relacionada a um eufemismo de que quem rasteja sobre a terra acaba respirando pó? quem ja serviu o exército sabe do que estou falando. bastava rastejar 100 metros pra ficar com a boca cheia de poeira.

    Na minha simples concepção eu prefiro acreditar que todos os acontecimentos fisicos do velho testamento tipficou um mover esperitual do novo testamento, prefiro acreditar que ouve sim uma alteração na estrutura da serpente e que não pode ser comparada com nenhuma serpente atual, mas tipificou a grande vitória de cristo quando pisou a cabeça da serpente e hoje a serpente "satanás" está sob nossos pés. Conforme conclusão da tese.

    porem se a estrutura da serpente foi mesmo alterada por Deus, de onde buscar comparações? Ela foi modificada.

    Com relação a alguns comentários, quero dizer que não devemos esquecer que a obra da criação de Deus começou no versículo 2, pois no versículo 1 Deus criou os céus e a terra, ou seja: os céus ja existia porque Deus ja existia e a terra ja existia porque satanãs ja havia sido expulso pra ela, então não sabemos quantos anos a terra tem de fato e nem se o fato da terra sem forma e vazia foi devido a queda de lúcifer. É evidente que estes gigantes animais existiram antes da obra da criação em Genesis.

    Que bom que existem pessoas trabalhando para levantar o interesse das pessoas em pesquisarem e tirar sua conclusãoes.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Alessandro, a paz!
      Fico muito feliz com seu comentário, e sim, acho uma hipótese válida que a serpente pode ter sofrido alguma alteração física.
      Quanto ao período que os "gigantes animais" viveram, indico-lhe dois artigos que acho que vc irá se interessar:

      http://genesisum.blogspot.com.br/2012/01/ficha-de-consulta-os-animais-pre.html

      http://genesisum.blogspot.com.br/2011/05/as-lacunas-da-teoria-da-lacuna.html

      Paz do Senhor e obrigado!

      Excluir
  10. Parabén pelo belíssimo trabalho, me ajudou muito!

    ResponderExcluir
  11. É trite ver q o mundo de hoje, as pessoas, pelo menos a maioria das pessoas, ja cairam na tentação. Na minha opinião a tentação é o mal.
    Eu não sou uma pessoa brega mas, estas mulheres q ficam mostrando o corpo estão pedidas, porque o nosso corpo pertence ao espirito Santo, e não podemos ficar exibindo por ai.
    E eu acho q a cobra é o Lucifer, e não q ele falou por uma cobra, mas ninguem sabe disso...
    Então vc esta de parabens com o seu blog, é realmente muito bom, mas lembre-se: "Há mistérios de Deus que não temos a permissão de entender, pois são misterios só de Deus", então se não ha relatos até hoje, é porque Deus não permite ao homem saber a real historia. Pois Deus é muito bom, e talvez não queira q nós saibamos a hitoria real, porque esta historia deve ser muito "forte", a ponto do ser humanos não acreditar.
    Bom eu falei muito rsrs, mas fique com Deus!! Bom trabalho

    ResponderExcluir
  12. o que voce ganha com esses estudos vai pregar o evangelho de cristo o povo tá perecendo no pecado

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu sei que o povo está perecendo, e temos feito a nossa parte nesse sentido, mas... você sabia que é necessário examinar as Escrituras?? Leia provérbios (ou melhor, leia mais a Bíblia) e perceba o quão é necessário que venhamos estudar e compreender a Palavra de Deus (pedindo sempre orientação ao Espírito Santo...). Os estudos desse site servem para esclarecer muitas questões concernentes a Palavra de Deus. Dessa forma teremos sabedoria o suficiente para pregar o evangelho para aqueles que necessitam... Como vc vai pregar a Palavra sem conhecê-la direito?? Será que esses estudos não são importantes?

      Fique na paz do Senhor, e mais uma vez, aprenda a respeitar seus irmãos em Cristo! Estarei orando por você.

      Excluir
  13. Gostei mt do estudo... Parabéns a kem recebeu a iluminação.. Foi de mta valia p mim...gostei mt msm

    ResponderExcluir
  14. Muito útil e edificante seu Blog, meu caro irmão, é um assunto interessante, que aliás venho também estudado e pedindo a misericórdia do Senhor para ter entendimento!vamos considerar certos aspectos:A Bíblia nos fala que a serpente era o mais astuto dos animais, ou seja:esperto, perspicaz, o que tem a habilidade de enganar;o que penso é que a serpente pode deslocar sua mandíbula em 180°para engolir suas presas, o que facilitaria os movimentos vocálicos para ser canal do maligno; como era comum vê-la fazendo certas estripulias como vemos os animais tidos como inteligentes e amestrados hoje em dia...caso é a chimpanzé Natasha, considerada "genial"pelos cientistas ou o elefante Koshik da Coreia que "imita'sons vocais de seu treinador...porém, eu não creio que a serpente falava. não sabemos também se foi possuída ou se o maligno se transfigurou na serpente, já que no Apocalipse é chamado de "antiga serpente"; o qual via o olhar de curiosidade da mulher pela (*)"Figueira"; este aproximou-se da mulher e só de conversar com ela foi como se disesse: veja como sou esperta, eu comi do fruto do conhecimento, pois além de inteligente, estou até"falando".devemos lembrar que o fruto em si não tinha nenhum "poder especial", mas a questão estava em obedecer á ordem do Senhor de não mexer no fruto; quanto ás relações sexuais,estas já estavam liberadas e abençoadas por Deus para povoar o mundo; não creio que a mulher teve alguma relação íntima com satanás, porque seria difícil concebermos a respeito de "semêm espiritual":manga não pode dar uva, como anjo não pode gerar um ser humano!
    parabéns irmão pelo seu blog.Deus o abençoe.
    (*)Porque figueira?Bom...é a única árvore citada no período criacionista de Gênesis, além de ser a árvore pela qual o recém-caído casal se refugiou após pecar; além de ser citada em varias passagens, inclusive pelo proprio Cristo em Mat.24:32, onde diz para "aprendermos" observando a figueira - aprender, nos leva a pensar em conhecimento...
    Gilberto de Jahu/Sp

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Paz do Senhor! Muito obrigado, fico feliz de saber que o blog está sendo util e edificando sua vida! Mas toda a Glória é para Jesus... Eu também venho pedindo muita misericórdia a Deus para estudar esse tema, que é tão "polêmico" hoje em dia. Cada um desses artigos surgiu debaixo de muita oração...

      Mas enfim, agradeço muito pelo complemento que você colocou no comentário, e espero que as pessoas sejam edificadas por ele também.

      Deus te abençõe!

      OBS: Em breve, Gilberto, iremos fazer uma "turnê" em diversas igrejas de São Paulo com uma série de palestras sobre o Gênesis... Caso tenha interesse, podemos ministrá-las na sua igreja. Basta entrar em contato comigo pelo blog mesmo ^^

      Excluir
  15. Opppss!!me esqueci de comentar sobre a mudança física da serpente!!Bom...creio que houve mudanças sim:Assim como o Senhor aumentou as dores da mulher no parto, o que indica que esta "já havia tido filhos", porém não do sexo "masculino"(pois não poderia aumentar algo que não existia),também direcionou a maldição de "rastejar" para um ser que andava ou pelo menos ficava "ereto"!!
    Certa vez assisti a um documentario do Discovery Channel (gravado em VHS pelo meu irmão Marco,kkk!)onde um casal de cientistas dos EUA colheram centenas de escamas de variadas espécies de serpentes, e ao analizarem as amostras junto de esqueletos de serpentes os quais exibiam "esporões" dianteiros e traseiros que "encolheram", chegaram à conclusão que: As serpentes tinham pernas, as quais "perderam" em algum ponto na linha do tempo, passando assim a "rastejar'- apesar dos esforços, disseram não saber explicar o porquê!!eles não sabem, mas nós sabemos: É a marca deixada pela maldição imposta por Deus na ocasião do pecado original narrado em Gênesis!e desta variaram 2.700 espécies. Hoje temos a noticia do fóssil achado em rochas argentinas da Eupodophis Desouensi de 95 milhões de anos, a qual exibe pélvis(quadril)com pernas traseiras, inclusive articulações de joelho!!é...bem que os antigos falaaaavam!!!
    Glória a Deus - que Ele abençoe a todos, amém!

    Gilberto de Jahú/Sp

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim, é verdade, eu também conheço a Eudophis. Ela é do mesmo "tipo" da Pachyrhacis, citada no artigo. Eu não desconsidero essa possibilidade que o irmão apresentou, mas admito que o problema está no fato das serpentes do período Terciário, que é logo após o Cretáceo (95 milhões de anos é situado no Cretáceo), ou final do 5º Dia, como preferir. Mas enfim, as cobras fósseis dessa época se parecem com as atuais e já são ápodes, este é o problema...

      Porém,como eu disse, isso não desqualifica o Gênesis enquanto relato =)

      Excluir
    2. É isso aí meu irmão. muita unção e graça em sua excursão, pois leva grande conhecimento ao fiéis de todas a igrejas.
      Gilberto/Jahú/Sp

      Excluir
  16. Bem lembrado meu irmão, só lembrei do detalhe dos 95Milhões serem impossíveis em nossa lógica depois que postei - Deus lhe abençoe cada vez mais...sempre estarei pesquisando seu Blog para aprender
    abraço
    Gilberto - Jahu/Sp

    ResponderExcluir
  17. Algo importante a considerar:
    Se Satanás usou a serpente, então pela lógica a serpente não foi culpada e sim o "espírito" que a possuiu.Se houve modificação na estrutura corporal da serpente por parte de Deus (perca dos pés, começou a rastejar etc), isso seria ilógico e em vão, pois a serpente como criatura não seria culpada e sim uma "vítima" de Satanás. Por que Satanás escolheria uma "serpente"?Poderia ser um macaco ou um golfinho que cientificamente são mais inteligentes...
    Agora se vc começar a interpretar a blíblia de uma maneira menos fanática e mais racional que tipo de interpretação podemos ter?
    1°A serpente era diferenciada e talvez diferente da imagem representada em nosso imaginar (biotipo humanóide).
    2°Por ser punida, isso representa que era um ser inteligente que co-habitava com o homem.Esse ser poderia falar e teria sido criado muito antes do homem.
    3°No transcorrer dos tempos, a tradução original sofreu alterações e não pode ser levado ao pé da letra.

    4° A bíblia não deve ser lida somente como unica e exclusivamente a palavra de Deus; mas como um documento histórico produzido por homens com as mais diferenças crenças, castas sociais e culturas.

    Obrigado pela oportunidade!

    Eduardo/ SC

    ResponderExcluir
  18. Não creio que satanás usou a serpente, e sim que ele próprio era a serpente. E m outras passagens bíblicas, satanás é identificado como serpente (ver II Cor. 11. 3 e Ap. 20.2). Em muitas figuras que representam culturas antigas, aparece pessoas adorando ou convivendo com serpentes, isso dá a entender, que essas pessoas tinham contato com seres que se manifestavam em forma de serpente. E também hoje, determinadas pseudo igrejas existem certas manifestações, em que as pessoas ficam imitando sons e movimentos de serpentes.

    ResponderExcluir